Nicholas Sparks,

Resenhando: Um Amor Para Recordar

18:36 Jéssica Figueiredo 9 Comments




Primeiramente, para as pessoas que já viram o filme e querem ler este livro, esqueçam sobre o filme enquanto estiverem lendo, pois o filme é muito diferente do livro. Não que ele seja ruim, não mesmo. Tanto o filme quanto o livro são bons, mas é melhor para não ficar pensando "ué, mas eu tinha visto isso assim no filme". Vamos à resenha :D

Landon Carter tem 17 anos e mora na Carolina do Norte. Ele vive somente com sua mãe, pois seu pai é um congressista e sempre tem que estar viajando. Optou por fazer teatro no último ano por que imaginava ser algo fácil de se fazer. Ele está no último ano do colégio e é nesse tempo que percebe que deve ter algumas qualificações para entrar em alguma universidade, já que suas notas não eram lá grande coisa. Ele não estava no clube de xadrez, não tocava nenhum instrumento musical e não jogava futebol americano nem basquete. As únicas coisas em que era bom eram: equilibrar um lápis na ponta do dedo em 30 segundos, era capaz de fazer e desfazer oito tipos de nós náuticos, o que não seria de grande ajuda para ingressar na UCN.
Sem ter para onde correr termina por concorrer ao grêmio estudantil, e consegue ganhar, graças à ajuda de um amigo.
Enquanto isso, o baile em honra aos ex-alunos da escola estava chegando e ele não tinha ninguém para ir com ele. A solução foi convidar uma menina chamada Jamie Sullivan. Que para a sua surpresa terminou aceitando. E é aí que a história começa.
"- Eu adoraria ir com você - ela disse, finalmente - mas com uma condição.
- E o que é?
- Você tem de me prometer que não vai se apaixonar por mim".
Jamie é filha do pastor da igreja que Landon frequenta desde garoto. Ela sempre está usando uma saia longa, um coque no cabelo, e um blusão marrom, e claro, está sempre carregando a bíblia consigo. Sempre dizia que estaria orando por você, que tudo ocorria por conta dos planos de Deus. Ela é uma daquelas pessoas que vieram ao mundo para serem boas e você se pergunta como pode haver alguém desse tipo. Mas ela era uma delas.
"- Sua camisa está encharcada de suor.
- Ah, isso aqui? - Eu olhei para a minha camisa. - Ah, não é nada. Às vezes eu suo demais.
- Seria bom se você falasse com um médico sobre isso.
- Não se preocupe, vou ficar bem.
- Vou fazer uma oração por você mesmo assim - ela ofereceu com um sorriso. Jamie sempre estava orando por alguém. Talvez eu pudesse entrar para o clube".
Eu ria muito quando Jamie falava alguma coisa sobre orar por ele, ou tudo estar nos planos de Deus e Landon pensava algo sarcástico. Ou então da aposta que fizera com os amigos para saber quantas vezes Jamie iria dizer "Plano de Deus". Ele apostou que seriam 14 vezes.
Landon não gostava de ser visto com ela, mas se tornou necessário já que eles estavam na mesma peça. A aproximação deles começou por ai. Mesmo sem querer ser visto com Jamie, Landon não conseguia ser malvado com ela, simplesmente por ela ser tão pura e feliz.
"Ela se parecia exatamente como um anjo. Respirei fundo e deixei que as palavras fluíssem lentamente.
- Você é linda - eu disse, finalmente, e acho que todos, desde as senhoras com cabelo azulado na frente até os meus amigos no fundo do auditório perceberam que eu estava sendo totalmente sincero".
 No decorrer da história, e de uma forma linda, natural e fluente ele termina por se apaixonar por ela. E você consegue sentir que este amor é verdadeiro. Que seu coração chega a perder o compasso de tão lindo que é.
Todos nós já devemos ter sentido como é ter um primeiro amor. Alguns podem sentir como é ter um primeiro e único amor, e isso é que abrilhanta tudo.
Estou realmente apaixonada por esse livro, mais do que quando vi o filme, por conta que pude ler os pensamentos de Landon enquanto ele se apaixonava. No momento em que ele se apaixonava.
"Sorrimos um para o outro. E tudo que eu fiz foi imaginar como poderia ter me apaixonado por uma garota como Jamie Sullivan".
E outra coisa, acreditem no aviso que é dado no início do livro, pois ele acontecerá literalmente:
"No início você vai sorrir, e depois vai chorar - não diga que não avisei".
 Sim, este será um dos meus preferidos de Nicholas Sparks.

Gostou? Se quiser comentar ficarei feliz :D Se quiser só clicar no +1 também irei ficar muito feliz :3

Olha só que legal!

9 comentários:

  1. Sempre achamos que o livro é sempre mais interessante do que o filme . No entanto, quando assistimos ao filme torna-se muito raro lermos o livro! Mas, diante de uma resenha tão cheia de cor, devo render-me!

    ResponderExcluir
  2. Adorei a resenhaa! Eu ainda não li esse liivro porque vi o filme antes de saber de sua existência. kkkkk Mas agora fiquei curiosa para ler. Acho que vou adicionar na minha meta deste ano. xD Gostei do blog e estou seguindo.

    Se puder dá uma passadinha no meu.
    Também falo sobre livros e estou até começanndo a postar um de minha autoria *o*
    Bom.. fico te esperando ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiew, que bom que gostou da resenha :D Pode adicionar o livro para suas metas :D Ele é realmente muito bom. E pode ler em um dia o/ Vou te seguir também :3 Achei teu blog legal o/ Ahh, que legal *-* Esse teu livro tá quase pronto?
      bjs

      Excluir
  3. Que bom seria que para cada pessoa "má " existisse alguém que a colocasse novamente no caminho do bem, ou melhor que a pessoa "má" se descobrisse tão cheia de talentos para o bem que contaminasse outras pessoas também!

    ResponderExcluir
  4. Sou louca para ler esse livro *-* Já li outros do Sparks e gosto bastante *-*
    Adorei a resenha! Me deixou com mais vontade de ler :3
    Parabéns
    Beijos
    http://www.sacudindoaspalavras.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Jéss,

    Li esse livro ano passado, primeiro livro do Nicholas Sparks que li. É uma história muito bonita mesmo, realmente é muito bom entrar nos pensamentos do Landon enquanto ele está se apaixonando pela Jamie. E o livro é realmente diferente do filme. Mas sei lá porque, eu gostei muito mais do filme, sei lá, acho que a história ficou melhor e eu me emocionei mais.

    Sua resenha está ótima!!

    Beijinhos,

    Rafaella Lima
    Vamos Falar de Livros?

    ResponderExcluir
  6. Oi Jess! Amei a resenha, sempre me disseram que filme e livro eram diferentes e especiais a sua maneira. Eu tenho o livro, mas ainda não li, agora fiquei com mais vontade. Ótima resenha!

    Beijo!
    Dani
    A Thousand Lifetimes

    ResponderExcluir
  7. Como esse livro me fez chorar... um dos meus preferidos de Nicholas Sparks!

    ResponderExcluir