Em chamas,

Resenhando: Em Chamas

17:25 Jéssica Figueiredo 6 Comments

Autora - SUZANNE COLLINS
Editora - ROCCO
Páginas - 413
Depois de ter ganho o 74º Jogos Vorazes, Katniss e Peeta estão morando na Vila dos Vitoriosos. A intimidade adquirida durante os jogos termina no instante em que Peeta descobre que Katniss só estava agindo como se estivesse loucamente apaixonada por ele por conta do plano de sobrevivência. Mas para a capital tudo isso foi real. O episódio das amoras venenosas foi uma jogada brilhante, pois mostrava que eles não queriam ficar longe um do outro, e não ir conta a Capital. Porém esse gesto foi interpretado por muitos distritos como um ato de rebelião.Toda a Capital estava alheia a isso, mas não o presidente Snow. Ele sabia que tudo havia sido um joguete de Katniss e ameace sua família, inclusive Gale, a quem ela vem pensando cada vez mais não só como um amigo.
"Não sei como ouso dizer as palavras seguintes, mas digo.
- Ele deve ser muito frágil mesmo, se um punhado de amoras pode derrubá-lo.
Há uma longa pausa enquanto ele me examina. Então ele apenas diz:
- É frágil, sim, mas não da maneira que você imagina".
Sem saber o que se passa nos outros distritos Katniss vem tentando continuar com a farsa dos amantes desafortunados, sem sucesso. Os distritos estão começando a formar levantes e a Capital terá que impedir. Até o ressurgimento do extinto distrito 13 aumenta a tensão que está por toda parte. Não fosse só por isso Katniss e Peeta terão que voltar para a arena. Todos os tributos serão os vencedores das edições passadas dos Jogos. Para o Massacre Quaternário. Para mostrar que nem o mais forte de todos é capaz de ir contra o poder da Capital. Isso é uma mensagem para Katniss, que agora virara o tordo. O Símbolo da Revolução. Será que nem ela poderia ir contra a Capital?
"- No aniversário de setenta e cinco anos, para que os rebeldes não se esqueçam de que até mesmo o mais forte dentre eles não pode superar o poder da Capital, o tributo masculino e o tributo feminino serão coletados a partir dos vitoriosos vivos.
(...)
Então entendo o que isso significa. Pelo menos, para mim. O Distrito 12 te apenas três vitoriosos vivos para serem escolhidos. Dois do sexo masculino. Uma do sexo feminino...
Vou voltar para a arena".
Uma das coisas que gosto neste livro e já disse na resenha do primeiro livro, é toda a situação se encaixar de uma forma realmente brilhante. Toda a história a respeito do símbolo da revolução, o tordo, o que ele significa, os levantes. As pessoas indo contra anos e anos de tirania. Anos e anos de sofrimento. É algo que eu realmente aprecio e acho que deveria ocorrer em determinados lugares. A união várias pessoas tento o único objetivo: Liberdade.
Nesse livro mais uma vez terá muitas e muitas e muitas e muitas páginas de Katniss só falando, mas uma coisa muitoooo boa :D Ela vai fazer aliados. O que fará com que ela não fique completamente sozinha durante os Jogos. É ótimo ter algumas falar durante tanto texto.
Dessa vez ela está querendo manter Peeta vivo e minha nossa como ela pode ser calculista e fria. Enquanto as pessoas estão tentando ajudá-las a única coisa que ela pensa é "Como é que eu vou conseguir matá-lo agora que eu estou sendo ajudada com ele. Ficarei com uma dívida. Alguém tem que matá-lo. Peeta tem que ficar vivo". Sério mesmo. Não sei do pensamento dos outros, mas ela poderia ajudar de bom grado quando alguém ajudasse ela. Depois ela pensaria em fugir.
Um outro ponto também foi o nome do 75º Jogos. "Massacre Quaternário!" MASSACRE. Caramba! Olha o nome que colocaram! Todos os Jogos são um Massacre, mas dessa vez eles fizeram questão de enfatizar com orgulho este ato horrível que a capital faz!
Eu gostei da leitura, por que como já disse do primeiro livro, a autora escreve muito bem e essa história de revolução realmente é um tema legal! Estou louca para ler "A Esperança", e tomara que a Capital pague muiiiito pelas coisas que fez!
E como eu acho Peeta um fofo, vou colocar uma coisa fofa que ele disse hahaha
"- Por que você está dizendo isso agora?
- Por que não quero que você se esqueça de como as nossas circunstâncias são diferentes. Se você morrer, e eu continuar vivo, acaba a vida para mim no Distrito 12. Você é toda a minha vida- diz ele. - Eu nunca mais seria feliz".
Espero que tenham gostado :D Próxima resenha já sabem qual será :3

Olha só que legal!

6 comentários:

  1. Sou suspeita pra falar, porque gostei dessa saga desde que li o primeiro livro, haha. Gostei muito do modo como a autora conduziu as coisas, e gosto das tuas resenhas :3 Tô até ansiosa pra ver a resenha de A Esperança, porque quero ver o que tu achou, hahahaha. Bjsbjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkkkkkkkk Também! Tu leu em horas "A Esperança" Palmas, palmas :D Ainda estou longe de terminar, mas assim que ler tudinho vou colocar aqui o//

      Excluir
    2. Foi mais forte que eu, hahahahahahahaha. Go go go! \o/

      Excluir
  2. Curti demais essa resenha, no aguardo da próxima :D :D

    ResponderExcluir