Cedido para Resenha,

Resenhando: Revivente - E se você vivesse sua vida mais uma vez? E mais uma? E mais uma...

11:24 Jéssica Figueiredo 1 Comments

Olá, galera do bem! Espero que a sexta-feira de vocês esteja sendo bem proveitosa :D Se não estiver, eu venho dar uma dica de um livro que recebi da parceria da Editora Gutenberg, do Grupo Autêntica. Como eu já havia dito em um post, antigo '-', eu recebi uma lista com os livros e teria que escolher um. E Revivente foi a minha escolha. O lega foi que eu fui para a livraria cultura e vi esse livro lá nas prateleiras :3 Fiquei feliz hahahaha
Vamos saber o motivo da minha escolha o/

Autor: Ken Grimwood
Páginas: 317
Editora: Gutenberg
Sinopse:
Jeff Winston é um jornalista de rádio de 43 anos, que está preso em um casamento fracassado e um emprego sem futuro. Ao sentir uma forte dor no peito, morre instantaneamente. Momentos depois, acorda em 1963, em seu quarto da época de faculdade, com 18 anos novamente, e lembrando-se perfeitamente de tudo o que aconteceu. Sem entender o que está ocorrendo, a única coisa que sabe são os fatos de sua vida e do mundo que se repetirão, inclusive o dia de sua morte. As dúvidas invadem sua mente: o que fazer dessa “nova” vida? Cometer os mesmo erros ou fazer tudo diferente? Deixar que os grandes desastres da história aconteçam ou tentar interferir? Nesta surpreendente e premiada obra, que foi inclusive inspiração para o filme “Feitiço do tempo” (Groundhog Day), é uma aventura emocionante que desafia os limites do tempo.





______________________________Resenha______________________________

Jeff começa a ter um ataque cardíaco enquanto falava com a sua mulher Linda, pelo telefone. Enquanto ela falava sobre eles estarem precisando de algo, Jeff começa a rememorar a vida dos dois. Eles não tinham filhos, não aproveitaram muito da vida e eles sempre brigavam. Jeff não encontrava mais a mulher que ele amou durante anos e anos. Simplesmente parecia errado toda a vida dos dois. E foi com esse pensamento, de que eles não haviam dado certo de Jeff morreu.
"Jeff não conseguia respirar. Claro que ele não conseguia respirar. Estava morto. Mas, se estava morto, como é que estava ciente do fato de que não conseguia respirar? Ou ciente de qualquer coisa, aliás?".
Sem conseguir entender o que se passava Jeff estava vivo e  tinha 18 anos novamente. Ele tentou acreditar que a sua vida passada havia sido um sonho, ou então, ele estaria tendo mais uma chance na vida. E o que ele poderia fazer? Ele sabia de tudo o que iria acontecer no mundo. Ele tinha o conhecimento de tudo, e, poderia fazer muito dinheiro com apostas. Largou a faculdade e começou a fazer muito dinheiro. Nessa nova vida ele não iria passar por dificuldades.
"Por insistência de Jeff, Frank tinha distribuído a aposta de cento e vinte e dois mil dólares entre vinte e três agenciadores em seis cidades e onze diferentes cassinos em Las Vegas, Reno e San Juan.
O ganho total passava de doze milhões de dólares".
Sua vida estava completamente diferente da primeira, e isso também dizia a respeito de Linda. Ele não conseguira manter contato com ela e nesta nova vida ela não participaria. Jeff tinha muito dinheiro, mas era sozinho. Não conseguiu se casar com uma pessoa que realmente amasse e seus amigos ficaram distantes. Só havia uma coisa que ele realmente amava que era a sua filha. E, por isso, ele tentou de tudo para se manter saudável. Ele não queria morrer novamente. Porém, seus esforços foram em vão, e mais uma vez Jeff morre. Inacreditavelmente a sua vida havia se transformado em um loop.
"Jeff Winston vislumbrou sem esperanças o túnel vermelho-alaranjado formado pelos olmos que os conduziam àquele gramado cheio de promessas e realizações, e então morreu".
______________________________O que achei?______________________________

Vou começar falando a respeito da capa. Quando eu recebi o livro fiquei paquerando a capa hahahaha são vários reloginhos e um homem correndo por ele, mas tem o maior, e mais interessante, que dentro do relógio tem pequenos relógio, e nestes pequenos relógios tem uma imagem diferente em cada um: um coração, uma borboleta, um homem e o símbolo do infinito. A imagem deste relógio também tem dentro do livro. Achei a diagramação todinha perfeita.

Sobre a história eu achei muito bem escrita. E que deixa uma pergunta para cada um de nós. O que você faria com cada vida sua se entrasse em um loop? Você iria jogar tudo para o alto? Iria tentar impedir as tragédias no mundo? Iria tentar fazer um mundo melhor? É incrível, que mesmo sendo a mesma vida, ela ainda se torna diferente a cada momento vivido. Cada vida nos traz algo único. Um ensinamento próprio.

O autor coloca muitos fatos que aconteceram no mundo, durante os loops. Eu achei interessante, mas confesso, que por não ter vivido nesta época, ou não morar  nos EUA. hahaha que eu não sabia de alguns deles u...u It's the truth u.u

Quando eu estava terminando de ler, eu dei uma parada. Vou falar o motivo. Sempre quando Jeff volta, ele não volta na mesma data, e sim, depois de algum tempo. Ou seja, o tempo de loop diminui. A incerteza que Jeff vivia, sobre ser a última vida ou não me atingiu. E eu não queria que chegasse ao fim. Estranho, confesso. hahahaha 

Este livro foi vencedor do World Fantasy Award e serviu de inspiração para o filme Feitiço do Tempo. Infelizmente o autor morreu de ataque cardíaco enquanto escrevia a continuação do livro. Foi uma pena mesmo, já que tem o prólogo do outro livro no fim de Revivente. E agora eu não sei o que irá acontecer na nova história. Me sinto como uma Hazel Grace, sem saber o fim do livro.

Bom, pessoal, espero que tenham gostado. E este livro eu super indico! 




Olha só que legal!

Um comentário:

  1. É uma história que te faz pensar muito, né.
    Fiquei aqui me perguntando o que eu faria se tivesse a chance de fazer tudo outra vez, e depois outra e sinceramente, com todos os meus problemas, ainda acho que eu viveria tudo outra vez a vida que vivo hoje rsrs

    Beijokas

    ResponderExcluir