Cedido para Resenha,

Resenhando: Fingindo

17:56 Jéssica Figueiredo 7 Comments


Olá, pessoal :D tudo bom?
Hoje eu trago uma resenha de um livro bem legal :D ele foi um dos lançamentos de março da Editora Novo Conceito. Fingindo é o segundo livro de Cora Carmack. Ele é a continuação do livro Perdendo-me. Não li o primeiro livro, mas consegui entender tudo direitinho :D
A capa realmente foi bem planejada, pois eu gostava de ficar voltando para olhar para os personagens *-*

Fingindo

Autor(a): Cora Carmack

Gênero: Romance
Nro Páginas: 336
ISBN: 9788581636665
Sinopse:

Com seus cabelos coloridos, tatuagens e um namorado que combina com tudo isso, Max tem exatamente o estilo que seus pais mais desprezam... E eles nem sonham que a filha vive assim.


Ela fica em apuros quando seus pais a visitam na faculdade e exigem conhecer o futuro genro . A solução que Max encontra para não ser desmascarada é pedir para um desconhecido se passar por seu namorado.



Para Cade, a proposta veio em boa hora: é a chance que ele esperava para acabar com a sua fama de bom moço, que até hoje só serviu para atrapalhar sua vida.



Um faz de conta com data marcada para terminar... E um casal por quem a gente vai adorar torcer. Fingindo vai seduzir você.

Fingindo conta a história de Cade - um rapaz que está com o coração partido, pois, no primeiro livro, ele termina tendo um amor não correspondido pela sua amiga. E de Max - uma garota cheia de atitude, tatuagens e maquiagem pesada, que necessitava urgentemente de um namorado de mentira.
Que confusão certo? 
O que aconteceu na verdade era que Max estava em uma cafeteria com o seu namorado, quando os seus pais ligam de última hora avisando que estavam indo para a cafeteria também. Eles estavam com saudades dela, e depois que descobriram que Max estava namorando, seria o momento ideal para conhecerem o namorado dela.
Certo?
Errado.

Os pais de Max eram completamente conservadores. Eles não sabiam dessa personalidade de Max, da tatuagem, maquiagem, etc. E muito menos aprovavam os namorados que ela havia arranjado durante a vida. Principalmente este namorado que os seus pais iriam desaprová-lo até o último fio de cabelo. 
A solução foi expulsar o namorado da cafeteria, e arranjar um novo.
Algum cara que tivesse cara de bom moço e que topasse ser um namorado de mentirinha por 24hrs. E foi no desespero que ela encontra Cade. Sentado despreocupado e totalmente perfeito.

" - Meu nome é Cade Winston. Aluno de mestrado em belas-artes,voluntário, abraçador de mães e seu namorado pelas próximas vinte e quatro horas. Prazer em conhecê-la".

A história totalmente atrapalhada dos dois começa deste jeito. Confesso que Max deu uma sorte danada por ter encontrado Cade lá. Ele era um ator. E nada melhor que um ator para uma situação dessa. Ela deu mais sorte ainda, pois Cade era perfeito. Sim, minha gente. Sabe aquela pessoa que você não consegue encontrar nenhum tipo de imperfeição? Pronto. Cade.
Ele era tão perfeito que os pais de Max simplesmente amaram ele. 
E acho que todo mundo.

Foi o primeiro livro que li de Cora, e devo admitir que eu engoli o livro. Se não tivesse faculdade, nem nada do tipo, tenho certeza que teria lido mais rápido. A escrita dela flui muito bem, e até mesmo somos capazes de dar boas risadas. 
A química entre os dois é bem interessante. Eles não têm nada em comum praticamente, mas conseguem ser tão perfeitos juntos. O tempo todo eu olhava para a cala - como já disse - e ficava "poxa, mas eles não são namorados". A relação entre os dois se desenvolveu de uma forma tão natural, que eu queria os dois juntos u.u

Max é uma garota que está tentando viver da música, e os seus pais sendo conservadores não ajuda em nada. Ela é muito insegura quando o assunto é a sua família. Ela fica sem rumo e totalmente perde a personalidade dela. É como se suas forças fossem sugadas. Teve uma hora no livro em que eu queria estar do lado dela e sacudí-la, para que ela pensasse um pouco nela mesma.
A história intercala na narrativa entre Cade e Max. Daí você pode saber como os dois estão se sentindo em relação à todo esse divertidíssimo, Apaixonante e viciante fingimento.
O livro está impecável. Sem nenhum erro. O tamanho da fonte está super perfeita para leitura. Folhas amarelas :D

Bom, pessoal :D espero que tenham gostado da resenha. Fingindo é um livro que eu recomendo para aqueles que querem uma leitura leve e divertida.
Venha torcer para eles você também o/
Bjs

Olha só que legal!

7 comentários:

  1. Olá!!

    Eu tô louca por esse livro. Lembro que quando lançou o primeiro dessa autora, sempre vi altos elogios para a escrita da autora, mas ainda não li ainda :(

    Todo mundo fala a mesma coisa que leu o livro super rápido e é o que mais me motiva, a faculdade e o estágio também tá me tirando do sério, não consigo ler muita coisa :(


    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Jéssica, sua linda, tudo bem?
    Ah!!!!!!! Que vontade de ler esse livro!!!!!!! Deve ser super divertido vê-los juntos, pois são tão diferentes e vão ter que fingir que gostam um do outro, uma intimidade que não possuem e saber que daí vai surgir o amor, me deixa apaixonada!!!!!!! Essa frase dele quando se apresenta é o máximo. Abraçador de mãe foi ótimo.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Jéssica, eu adorei a sua resenha!!!!!
    Eu já queria ler antes, mas agora realmente estou ansiosa.
    A capa é linda, mas confesso que não saber os braços do cara estão apoiados me deixa um pouco incomodada kkkk

    Bjin da B

    Mundo B - Paixão, Amor e Outros Vícios

    ResponderExcluir
  4. Como assim tu leu o 2 sem ler o 1? Não consigo, tenho TOC. huahauhauhauahuahua
    Achei engraçado você comentar da capa porque li em outra resenha uma menina reclamando muito dizendo que os personagens não tinham nada a ver com os modelos, principalmente o lance da reportagem.
    Eu queria ler, mas acabei passando pra uma colunista.
    Beijinhos!
    Giulia - www.prazermechamolivro.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Jéss, tudo bem? Já vi algumas resenhas desse livro e para mim ele daria uma ótima comédia romântica... é assim que o vejo... toda essa história de namorado de mentirinha. Parece ser um livro bem divertido e leve. Confesso que não curto muito personagens perfeitos, mas o Cade parece ser ótimo, e a Max parece ser bem divertida, apesar de não curtir pessoas que querem mostrar quem não é, mas dá para entender porque ela faz isso por causa da família.

    Beijinhos,

    Rafaella Lima // Vamos Falar de Livros?

    ResponderExcluir
  6. Oi, Jéssica!
    Já li muitas resenhas desse livro, e estou bem ansiosa pra ler.
    A premissa parece ótima e fora que já é um gênero que eu curto pra caramba.
    Achei interessante o fato de abordar a relação familiar dela. Sem apoio da família, ás vezes nos sentimos perdidos mesmo. Ainda bem que ela encontrou Cade. rs
    Pretendo ler em breve.

    Beijinhos!
    Jaque - Meus Livros, Meu Mundo.

    ResponderExcluir
  7. As capas dessa série são lindas mesmo!
    Não li o primeiro, mas tambem não conseguiria ler o segundo assim.. mesmo sabendo que as histórias são independentes hahaha.
    Eu venho gostando cada vez mais de livros ambientados em universidades, espero que esse seja mais um.

    Beijiinhos ;*
    Andressa - Blog Mais que Livros

    ResponderExcluir